CHANEL 2.55: PRODUÇÃO ARTESANAL

Meninas, vou mostrar para vcs agora como é feita uma bolsa Chanel 2.55,o modelo mais vendido da marca. É um processo artesanal até os dias atuais, que atende a um rigoroso padrão de qualidade e a produção de cada bolsa envolve de seis a quinze pessoas durante cerca de dezoito horas. Uma curiosidade é que o matelessê no couro foi pensado por Coco Chanel para dar volume e forma, pois ela queria uma bolsa encorpada, então inspirou-se nas roupas dos jóqueis, já que equitação era uma das suas paixões, além disso é o primeiro modelo a tiracolo para mulheres que se tem notícia, "estava cansada de carregar minha bolsa na mão e perdê-la, então coloquei uma alça longa e passei a carregá-la no ombro", declarou Mademoiselle, lembrando que praticidade e refinamento são as principais características das suas criações. Vale dizer que em tempos de crise econômica os preços das bolsas clássicas e ícones,ao contrário do que muitas imaginam, aumentam. Isso se justifica pelo fato das consumidoras desse segmento preferirem investir em modelos com essas características por serem atemporais e não sofrerem desvalorização no mercado nunca, o que não ocorre com as que são a tendência do momento.
Agora dá para entender porque uma bolsa Chanel 2.55 é um excelente investimento e garantia de elegância a qualquer hora, ela é realmente uma bolsa ícone!Um luxo de artigo para começar bem a semana!
Beijos felizes!

Comentários