MADRUGANDO EM PARIS...

Em Paris não é comum que bares e restaurantes fechem muito tarde, especialmente no inverno. Mas para nossa grata surpresa, já que somos insones convictos, eu e Marido encontramos, praticamente ao lado do nosso hotel, na Avenue de Wagram, que fica próxima a Champs-Elysées, o Cambridge Tavern, que tem bastante movimento até depois das três da madrugada!
Decoração inspirada nos pubs ingleses, atendimento excelente, som moderno, além da comida deliciosa e carta de vinhos com várias opções de rótulos!


Vou aproveitar para falar um pouquinho dos vinhos, que em Paris são servidos em verre (taça) ou bouteilles de três tamanhos, a saber: 25, 50 ou 75 cl. Essas são as formas mais comuns de consumo pelos parisienses, sendo que as bouteilles, garrafas, não são a do próprio vinho.
Claro que existe a opção de se pedir a garrafa do mesmo, mas, nesse caso, nem sempre é vantajosa em relação custo/benefício.
Nesse dia escolhi um Bordeaux tinto delicioso para brindar nossa chegada...
Lembrando que um Bordeaux é qualquer vinho (tinto ou branco) produzido nessa região francesa, que é a segunda maior produtora do mundo, portanto, ideal para ser consumido no país de origem, já que nunca terá a mesma qualidade aqui no Brasil em razão do transporte, por mais cuidadoso que seja, o que não quer dizer que isso inviabilize o consumo do produto, que na maioria das vezes continua apto para tanto.
Para quem gosta do assunto, como eu, encontrei um artigo muito bom em um site, aqui, que vale a pena ser lido.
Na foto, a bouteille.


Beijos felizes!

Comentários